terça-feira, 25 de abril de 2017

FEIRA DE SANTANA: Cresce número de reclamações contra paredões

Sergio Carneiro, secretário de meio ambiente de Feira de Santana, informou em entrevista ao Acorda Cidade que o número de reclamações contra os paredões de som têm aumentado principalmente aos finais de semana na cidade. Segundo ele, além dos paredões as denúncias são relacionadas à bares e restaurantes e também templos e igrejas.

“Não precisa transformar algo agradável que é a música em algo desagradável. Se for usar qualquer equipamento de som seja ele inclusive o próprio paredão que o faça dentro de um volume aceitável para a vizinhança. Porque nessa vizinhança certamente há crianças, idosos, pessoas em pós operatório, em recuperação que poderiam ser parentes desses que estão abusando do som alto. O nosso pedido é esse. Agora, eu queria sugerir a pessoa incomodada que durante a semana ligue para a Secretaria do Meio Ambiente e faça a denúncia que nós vamos mandar o fiscal notificar e cuidar dessa denúncia. O telefone é 3322-9300. Se for no final de semana deverá ligar para o número 156 que é o número de emergência da Secretaria de Prevenção à Violência (Seprev) e da Guarda Municipal”, disse.
Sérgio Carneiro pontuou ainda que a Polícia Militar também é uma grande aliada no combate a poluição sonora assim como a Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) e que a poluição sonora é um crime ambiental. De acordo com o secretário, a recomendação é que estabelecimentos comerciais de entretenimento assim como templos e igrejas para evitar transtornos façam o tratamento acústico desses ambientes.

Os telefones para denunciar a poluição sonora em Feira de Santana são:

Secretaria de Meio Ambiente (75) 3322-9300

Disque Denúncia – 156. Central de Fiscalização de Poluição Sonora -(75) 99170-7198  (Acorda Cidade)

0 comentários:

Deixe aqui sua opínião