quarta-feira, 10 de maio de 2017

CACHOEIRA 👏 Festa D’Ajuda recebe registro especial de Patrimônio Imaterial

Celebração acontece entre outubro e novembro, na cidade do Recôncavo Baiano; reconhecimento foi feito pelo Ipac.
Festa D'Ajuda recebe registro especial de Patrimônio Imaterial da Bahia 
(Foto: Elias Mascarenhas/Ipac)

A Festa de Nossa Senhora D’Ajuda que acontece entre outubro e novembro, na cidade de Cachoeira, no Recôncavo baiano, recebeu o registro como Patrimônio Imaterial da Bahia. A determinação foi do governo do estado, na última sexta-feira (5), mas a informação foi divulgada pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac) nesta quarta-feira (10).

De acordo com o Ipac, o decreto do governo se dá considerando as propostas formuladas em dossiê, que foi enviado para o Conselho Estadual de Cultura da Bahia (CEC), e aprovado pelo Ipac e pelo CEC, ambos da estrutura da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Ainda segundo o instituto, a partir do registro, a manifestação cultural da cidade de Cachoeira constará no Livro de Registro Especial dos Eventos e Celebrações, como Patrimônio Imaterial.

Segundo a tradição, a festa ocorre desde início do século XIX, como uma data móvel, entre outubro e novembro. Os festejos iniciaram-se a partir da capela de mesmo nome inicialmente devota à Nossa Senhora do Rosário e, depois, com a transferência para a atual matriz, à Nossa Senhora D’Ajuda.
Decreto foi determinado pelo governo do estado (Foto: Elias Mascarenhas/Ipac)


Patrimônio do Brasil

De acordo com o diretor geral do IPAC, João Carlos de Oliveira, a capela está no Largo da Ajuda, no cume de uma pequena colina no centro da cidade, com acesso por três ladeiras em sentidos opostos. Segundo ele, a capela integra o Centro Histórico da cidade e é tombada individualmente como Patrimônio do Brasil desde 1939 através do IPHAN/MinC.

G1

0 comentários:

Deixe aqui sua opínião